terça-feira, 3 de abril de 2012

Tchau Ladji!

30/03/2012                                                     
É..
Corações coloridos e docinhos na mochila, vamos encarar a realidade, chegou a hora de partir para meu último dia em Ladji..
É estranho, mas essas crianças que até dois meses atrás nunca haviam feito parte da minha vida acabaram se tornando muito importantes e especiais para mim.
Com eles aprendi, sorri, brinquei, sonhei e por eles chorei, chorei muitas vezes de emoção, de impotência ou de alegria.
Foram muitas emoções em um pequeno espaço de tempo, fui das nuvens ao chão numa rapidez que nem eu acreditava ser possível.
Sei que a curto prazo minha contribuição foi pequena, mas sou pretensiosa..
Se tiver conseguido plantar a sementinha de um mundo diferente em cada uma dessas cabecinhas, se de alguma dessas três turmas nascer um professor que ao invés de agredir explique e fale com calma, eu estou feliz. Na verdade, estarei muito feliz!
Tentei dar o meu melhor e ensinar nas mínimas coisas. Vamos ver.. espero que tenha dado certo!
Sei que não posso mudar todo o mundo, mas posso ir até onde meus braços alcançam, e por aqui eles se esticaram ao máximo.
Tchau Ladji! Saio daqui com a certeza de que aprendi muito mais do que ensinei.
Na volta para o posto médico, meus pequenos “guias” estavam mais atenciosos do que nunca. Hoje não me deixaram ir sozinha no caminho de terra, quiseram me acompanhar até o ultimo momento..
Em nossa tentativa de conversa um dos meninos falou que queria ir para o Brasil comigo, disse que ia na Air France do meu lado! Querido, já fiquei louca de vontade de levá-lo mesmo... Tenho que me segurar, pois pela minha vontade já tinha escondido umas 3 ou 15 crianças dentro da mala.. hauhauahu
Meus guias

 
Foi estranho, mas quando ia me afastando de Ladji, tinha a sensação de que meus pensamentos levariam um tempo maior para acompanhar meu corpo. Eu estava indo embora apenas fisicamente..
Obrigada Ladji, jamais esquecerei cada sorriso, carinho ou lição que aprendi aqui!  

Beijos, beijos e boa noite!

Um comentário:

  1. Então, minha linda!!! Que emoção. Sementes lançadas ao solo, sorrisos, corações alimentados... Esperança de dias melhores. Com certeza fizeste tua parte. Agora são as crianças e jovens de Portugal que querem conhecer o tamanho de teus braços. Terás de esticá-los muito, muito, novamente. E, quando chegares aqui, quero um abraço bem apertado. Tô louca de saudade!! Te amo, te cuida e boa sorte!!

    ResponderExcluir