terça-feira, 3 de abril de 2012

Costureira, tecidos e medidas

23/03/2012
Eis o dia de hoje..
De manhã fui voando até ENEAN, pois precisava resolver algumas coisas na internet. Como não tinha muito tempo fui obrigada a ir de ke ke no (moto taxi), só para registrar, eu ODEIO andar de moto aqui. Hoje um carro chegou tão perto da gente que prensou meu pé contra a moto, nem doeu tanto, mas levei um susto tão grande que foi inevitável dar um enorme grito. Ficou todo mundo me olhando, que vergonha! ahuahauhauha 
Quando voltei para casa, resolvi dar uma olhada rapidinha nas roupas que tinha dentro da mala, vi algumas coisas que nem usei aqui ou usei uma ou duas vezes.
Então pensei, se aqui que tenho um número reduzido de roupas eu não usei, é obvio que em casa eu não vou usar essas roupas. Separei essas peças para dar pra menina que trabalha na casa de Porto Novo. Eu não sei quem ela é, não sei seu nome, e nem tampouco o rostinho que tem, mas sei suas condições de vida e isso me dá a certeza de que ela fará melhor uso que eu.
Quando embarquei para Benin a Vó Jeni me deu um ursinho de presente. Eu sei que pode parecer infantil e, para algumas pessoas, até bobagem, mas várias noites em que tive dúvidas e me senti sozinha foi o Gole (sim, o nome dele é Gole) que abracei para tentar fazer com que tudo ficasse um pouco melhor. Ele me acompanhou durante todo esse tempo aqui, e acredito que pode fazer com que outra pessoa se sinta bem também.
Pensando nisso resolvi dar ele, afinal, essa menina também está distante de sua família e tem seus medos e inseguranças. Espero que minha Vó entenda e não fique chateada...


Pois bem, depois de tudo arrumadinho eu e a Chiraz viemos pra Porto Novo.
Como vou embora um mês antes do previsto, estamos correndo MTO para fazer as roupas. Viemos para cá hj pois a costureira delas mora aqui e aproveitamos que sua mãe foi a Cotonou fazer compras e pegamos uma carona.
Tecidos e medidas..


Nossa, é muito difícil de escolher entre tantos modelos diferentes!
Algumas roupas com muitos detalhes já foram automaticamente excluídas, pois não temos tempo para isso.
Fiquei impressionada com o preço que a costureira cobra. Para fazer CINCO vestidos, três de adulto e dois de criança, e quatro camisas masculinas custou 22000 F (R$ 73,30). As gurias me disseram que foi caro (?) pq temos pouco tempo, se eu tivesse mais uma semana pagaria bem menos, talvez a metade. A mão de obra aqui é muito barata...
Na hora de dormi fiquei com muita vergonha, pois dessa vez eu e a Chiraz dormimos no quarto da mãe delas. Elas me colocaram para dormir sozinha na cama. Siiiiiiiiiiim.. elas duas se deitaram direto no chão, sem colchão, travesseiro, nada.. Eu disse que não era preciso que eu podia dormir no chão tb, ou que dava pras 3 dormirem na cama, sei lá, mas não adiantou. Aqui as pessoas me tratam muito bem e ficam fazendo de tudo para me agradar, coisa que me deixa com vergonha.. não gosto de atrapalhar!
OBS.- Hoje usei a internet muito rápido, e pra ser sincera, ainda não tive tempo de ler o texto com a calma que pretendo, mas fui pega totalmente de surpresa pela indicação que meu colega de curso Jackson da Silva Leal fez em seu blog. Pelo que vi ele falou a respeito da minha viagem e indicou para que a professora de Direito Constitucional usasse como pauta com sua turma. Nossa.. Tô importante! Hauhauhauha
Obrigada Jackson! Me senti honrada por tuas palavras!
Ok.. Mas esse foi o dia de hoje, vou desligar logo esse computador pra deixar todo mundo dormir.. ahuahuha
                Beijos e Boa noite!

Nenhum comentário:

Postar um comentário