sexta-feira, 9 de março de 2012

E deu tudo certo, mais uma vez!

06/03/2012, Cotonou – Benin

Hoje tinham duas equipes francesas lá em Ladji, a primeira formada por estudantes de medicina e a segunda por professores. Os estudantes ficaram no posto conversando com o médico e ajudando as enfermeiras enquanto os professores foram conhecer a escola.
O psicólogo que sempre me acompanha foi levá-los e perguntou se eu queria ir junto..
QUE DÚVIDA.. Claro que eu quis!
Fiquei muito nervosa no caminho, pois éramos 7 adultos em um barco minúsculo e que entrava água. Foi uma das piores sensações da minha vida, pois cada tremida que alguém dava pro lado o barquinho quase virava. Eu só conseguia pensar que já estava acabando e que íamos chegar bem. Nossa, muito péssimo²!
Caminho para escola..



Mas enfim, chegamos bem, sem cair na água e fomos recebidos com os mesmos sorrisos lindos, como da primeira vez.
Lá é tudo muito simples e falta tudo, menos o sorriso!
Esses são os “cadernos”..


Eu amo ir nessa escola pelas crianças, mas odeio ver a forma como os professores as tratam. De todas as escolas que visitei aqui em Benin, em Ladji é onde os professores são mais agressivos!
Hoje vi uma cena que me fez ter muita vontade de chorar.. É terrível a sensação de impotência.
Eu não sei pq, mas o professor dos alunos mais velhos batia muito nas mãos de uma menina que devia ter uns 10 anos. É revoltante sabe.. A aluna com as mãos esticadas, as lágrimas escorrendo e ela sem dar um pio. Chorava sem fazer barulho. Senti uma dor mo coração de ver isso.. é muita covardia. Eu sei que tem toda diferença cultural, mas pra mim isso é inconcebível, chega a dar uma coisa na pessoa..
Ai, ai.. respirei fundo,e tentei seguir com meu trabalho. Tarefa difícil, mas vamos lá!
Hoje a Alice foi comigo.. Foi muito legal, formamos uma boa dupla!




Os colares foram um sucesso!
As crianças adoraram..
Depois que terminamos a atividade os alunos tinham um intervalo. Como a equipe das professoras francesas estava conversando com os professores locais ficamos mais um tempinho por lá. Comecei a fazer uns desenhos com umas duas ou três meninas que tinham ficado na sala de aula e quando me dei conta tinham muitas crianças na minha volta.. As crianças aqui são muito carentes de atenção, qualquer carinho, qualquer brincadeira elas já adoram..


 

Bom.. mas o trabalho na escola terminou.
Hora de dar tchau e receber mais muitos sorrisos lindos!


E isso simplesmente faz tudo valer a pena! 

Quando voltamos para o posto médico ainda tínhamos alguns colares guardados na mochila, então eu e a Alice resolvemos terminar com eles.
Sentamos ali mesmo com algumas crianças da comunidade para pintar..




Achei essa menina linda!
Ela já é bem maior que os outros, e acho que por isso, estava só olhando de longe. Chamamos ela que veio com um sorriso do tamanho do mundo!

Mas então foi isso, mais um dia de trabalho que se encerra!
Me sinto feliz por poder fazer com que essas crianças sejam SÓ crianças por alguns momentos e ao mesmo tempo me sinto muito impotente por saber que no fundo nada vai mudar! 
Ai ai.. Boa noite!
Saudades.. 

“Alma deixa eu tocar sua alma, com a superfície da palma..” Zélia Duncan

4 comentários:

  1. É isso aí Paulinha, faz com que teu carinho, amor e dedicação dê origem a sorrisos capazes de apagar as lágrimas e as lembranças amargas que estes "professores" deixam nessa criançada. Se tem uma coisa que podes e sabes ensinar é a amar e ser feliz. Beijoooo e boa sorte por aí!

    ResponderExcluir
  2. Lindissimo Paula! E pelo que andei lendo, tens vivido uma experiencia incrível *_* Não pensa que isso tudo vai continuar igual, te garanto que tu marcou de alguma forma a vida dessas crianças, assim como elas estão marcando a tua. Quando elas crescerem e tiverem, talvez, o tipico sonho de mudar o mundo, vão lembrar de quando eram crianças e das poucas pessoas que passaram na vida delas deixando bonitas marcas =]depois de tentar, a gnt entende que não se pode mudar o mundo, mas podemos tentar mudar o nosso mundo e isso influencia o mundo de um montão de gente!

    beijos linda, aproveita

    ResponderExcluir
  3. Oi, meu amor, só queria deixar registrado que mesmo que, de fato, não mudemos o mundo, temos sim um papel muito importante a cumprir quando decidimos promover a transformação nossa, interior, sincera. Se somos pessoas melhores, o mundo todo ganha com isso. É uma grande cadeia do bem. E essa, sim, podes ajudar a fazer crescer. Segue firme! Te amo e tenho muitas saudades. Fica com Deus. Beijos!!

    ResponderExcluir
  4. Oi PrincesA!

    Recém agora consegui acompanhar teu blog aqui na Daiane. Amei! Só vai ser melhor quando voltares e eu te der um abraço bem apertado!
    Diz pra todo mundo aí te aproveitar bem neste período porque és de muita gente aqui, principalmente minha. Beijos, saudades Conceição

    ResponderExcluir